sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Impressões




Tenho me sentido uma chata, inconstante e que até tenho tido comportamentos mimados. Sei que você se assusta quando eu aumento o tom da voz, falando tudo muito rápido, bem daquele jeito de quando fico nervosa. Sei que você pensa em me abraçar na hora e que você me abraça até em horas que eu não espero e por isso fico desconsertada dizendo que preciso procurar isso ou aquilo. E sei que você gosta de ficar quietinho, na sua e que quando eu passo por você, logo ouço um Ei, vem aqui. Vem me amar. Eu vou.

Fico completamente agoniada e com a alma inquieta quando você se veste de silêncio. Acho que meus olhos dizem, mas nem sempre você pode ver. Fala comigo, me diz, conta pra mim, me dá essa sua mão, coloca sua cabeça no meu colo, deixe que eu seja completamente sua amiga. Duas cabeças pensam melhor do que uma. É que eu tento a todo custo me mostrar – e é caro. É que você tá tão tranquilo, tão calado. Eu fico com medo, essa falta de som é tão preto e branco. Fica faltando, talvez seja a cor.

Você diz que eu sou doce. Eu com todos os meus gestos exagerados, quedas e tiques, meu neuroticismo aguçado e você ainda me olha com amor. Eu sempre me impressiono. Você que é ímpar e dono de uma energia incrível. Alguém que canta alto, sem vergonha, faz caras e bocas e que nos olhos tem espontaneidade – acho linda a rapidez da espontaneidade. Perspicaz. Jeito próprio de andar e de beijar. É que eu ainda fico sem jeito quando você desembesta a falar e questionar, pausando como quem pede mais. Eu que sempre fui de se acostumar, que deixa passar, que finge não ver, que tampa-o-sol-com-a-peneira e você cutuca meus pensamentos tirando toda a polpa, toda gota, encontrando todo o amor nas palavras. 

Um comentário:

Malu Silva disse...

Ser olhada com doçura e amor por alguém, mesmo depois de todos os nosso defeitos... isso é lindo.
Abraços

Aviso

As imagens usadas neste blog são retiradas do nosso amigo Google. Caso seja uma imagem sua, peço que me comunique, assim, colocarei os direitos. Obrigada. Peço sua compreensão.