sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Tudo se transforma




Não é que a vida esteja ruim, a verdade do que se passa é exatamente o oposto. Tudo anda muito bem e em perfeita sintonia. O coração, o trabalho, acordar, o jeito de cantar, os livros que ando lendo, os filmes, a música que ouço enquanto percorro o caminho, as noites em que saio e as tardes que passo ao lado de quem amo. É felicidade? É. Se a vida é feita de altos e baixos, então eu estou no momento alto, no pico da montanha russa, e a emoção é tão grande que o frio na barriga cega meus olhos, há apenas o sorriso e a alegria de está ali em lugar tão alto que jamais poderia imaginar.

Algumas coisas foram feitas daquele jeito que a natureza nos ensinou, nada se cria, nada se perde, tudo se transforma. Não substituo nada, é apenas transformação: lembranças transformam-se em aprendizagens e em boas histórias para contar, recordações; pessoas que por aqui passaram não se perdem pelo caminho, transformam-se em carinho e formam parte de mim. Não há substituição.

O que também sofreu grande transformação foi da minha antiga liberdade para a escrita – boa ou ruim – agora as palavras arranham, saem agoniadas, como se não coubessem no papel ou não soubessem o caminho a percorrer para encontrar a expressão. Pareço muda diante de tudo. Estou guardando? Não quero dividir a minha história ou apenas não consigo transcrever ou descrever? Sei que algo acontece, algo grande com passos curtos dessa vez, algo que vem do chão e que procura raiz, algo que perturba e quer sossego.

Mais uma vez fico embasbacada com a minha capacidade de ser natureza – mutável. A fragilidade das coisas que pensamos em forma de desejo o ser para sempre. E é no momento que percebo as transformações que sinto a tranquilidade, no instante que percebo que não perco é que finco meus pés nas transformações, pois nada é meu, são transformações que de alguma forma passo por cima dos pontilhados das consequências. 

3 comentários:

! Marcelo Cândido ! disse...

As pessoas passam enquanto o tempo muda, é sempre assim !!!

***MissUniversoPróprio*** disse...

E é no exato momento em que tudo se transforma, que a gente percebe que está aprendendo a viver, pq, na verdade, não são as coisas que mudam, mas sim o nosso olhar sobre elas. É o crescimento, a maturidade, o tempo que nos insere novas lentes e nos permite enxergar o mundo de mforma mais generosa e tranquila. Feliz de te saber feliz. ;) =***

Ps. E se mudou tb a escrita, devo dizer que mudou pra melhor, continuo adorando te ler!

Bruna Mesquita disse...

Nada é realmente nosso , talvez o destino que possamos controlar mas mesmo assim pode tomar uma direção diferente da que esperavamos . Mas a vida é assim cheia de transformaçōes ;D

Aviso

As imagens usadas neste blog são retiradas do nosso amigo Google. Caso seja uma imagem sua, peço que me comunique, assim, colocarei os direitos. Obrigada. Peço sua compreensão.