quarta-feira, 29 de junho de 2011

Meu Eu




Eu mudei. Mudei de uma forma tão estranha, de um jeito tão confuso que quando me olho no espelho, ainda me pergunto quem é aquela ali. Acontece que o mundo mudou comigo, exigiu da pequena aqui, uma postura, uma decisão, o mundo me olhou e disse “se mexe aí, se mexe porque só depende de você”.  A vida me mostrou alguns caminhos e parece difícil escolher algum, um caminho diferente daquele que eu mesma havia traçado, a vontade é de fechar os olhos, apontar para uma direção qualquer e seguir. Ficar parada aqui, eu sei que não posso, que não devo e não seria justo comigo.

Eu estou tentando manter o meu controle. O conceito de certo e errado parecem ter se misturado junto com os meus tantos porres presentes nos meus dias pequenos. Eu ainda não sei quem é essa que vive aqui dentro de mim.  Às vezes é amor, às vezes raiva, saudade, desilusão, às vezes a vontade é de sumir, de esquecer, viver de novo, fazer loucuras, fingir que o amanhã não existe, às vezes dá vontade de mandar o mundo pro inferno. Às vezes dá vontade de dormir.

Tem dia que eu me sinto uma besta. É uma besta, tola. Não culpo ninguém não. Mas é porque quando alguém me diz que quer ser meu amigo, eu acredito que será uma relação de companheirismo. Eu te ouço, você me ouve, a gente conversa, a gente se carrega nessa vida.  Acontece que o que eu sinto é que estou sendo ignorada. Sinto que fui excluída da lembrança e que em algum ponto você se esqueceu de tudo. Ah, me dá um pouco disso que você tomou, me deixa esquecer também. Quero me perder nesse sentimento de liberdade, de escolha certa, porque pra mim ainda parece tudo muito errado.

15 comentários:

Friends:Renata e Juliana disse...

Caramba!
Você me tira as palavras...
sinto igual.

Renata Cibelle

Késia Maximiano disse...

As vezes a vida nos tira mesmo dos eixos, e nos chacoalha, como quem diz: o mundo ta girando!
E sempre gira. E a gente sempre se modifica.

Que seja sempre positivo!

Beijos

... disse...

Na verdade não somos nos que mudamos, mas sim a visão que olhas as coisas é que mudam.
O que difere isso é que quando estamos mais abertos para enxergar a causa das coisas aprendemos a crescer como pessoa, mas quem disse que esse crescimento seria facil? Entre dias que parecem interminaveis, insuportaveis ou qualquer "taveis" que seja, o melhor é saber que estamos mudando e as mudanças são muito boas, mesmo as mais penosas,nos mostram que nada na vida é permanente tudo é uma questão de visão e bem estar

Maíra K. disse...

"porque pra mim ainda parece tudo muito errado." É, pra mim também. Só espero que não continue assim.

Beijos!

Malu disse...

Que bom que podemos ter possibilidades de mudanças constantes...
Se mudamos de maneira estranha ou não, não importa! O que importa é mudar e rever conceitos.
Abraços

Fernand's disse...

não se cobre tanto, nara... sinta seu coração e siga em frente. tudo ao seu tempo, querer acertar sempre nos faz perder muitas oportunidades.


:D


bjsmeus

Mulher Vã disse...

O ser humano é acima de tudo, bibolarizante.

Termo atualizado. hehe

O importante é ter sempre um plano B. Sabecomo?

Beijo.

Vã.

Vanessa Carvalho. disse...

Gostei do texto.

Jéssica Trabuco disse...

É que tem uma hora que se você não se mover, já era.
O tempo vai passar e você se arrependerá cruelmente.

- cleber eldridge disse...

Acredito eu que qualquer tipo de mudança seja boa.

audaciosopensamento disse...

Somos um pouco de tudo e de tudo um pouco. Mudanças por mais que pareçam estranhas, sempre servem pra alguma coisa; e com certeza um dia, você vai se dar bem com cada uma das que andam acontecendo na sua vida, ou pelo menos aprender e crescer cada vez mais com o ensinamento aprendido em cada uma das vezes em que você se sentiu assim... Estranha.

Beijo!

Carlos Leite disse...

Uma vez, numa palestra sobre esquizofrenia, eu afirmei que todos somos esquizofrénicos. Todos temos um determinado nível de loucura que, nos faz ser outras pessoas. Que nos faz agir de forma diferente todos os dias... De facto, concordo consigo...
Ás vezes é amor, ás vezes é raiva... Todos os dias acordamos e somos outra pessoa, pois sofremos uma evolução constante.
Se me permite irei seguir o seu blog.

Atenciosamente,
Carlos Leite, http://opintordesonhos.blogspot.com

Georgette. disse...

Amei seu texto, você tem um jeito ímpar na escrita incomparável. E o melhor é ir mesmo, ir pra algum lugar que valha a pena, não ficar estagnada, às vezes vem essas vontades de mudar, de fazer loucuras mesmo, é normal. Tudo de bom pra você.

Raymara Oliveira disse...

Que lindo !!!!!!!!

Que saudade daqui..

Beijos da filha do meio.

Raymara Oliveira disse...

Que lindo !!!!!!!!

Que saudade daqui..

Beijos da filha do meio.

Aviso

As imagens usadas neste blog são retiradas do nosso amigo Google. Caso seja uma imagem sua, peço que me comunique, assim, colocarei os direitos. Obrigada. Peço sua compreensão.