terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Fique bem



Não me venha com esse papo de você merece coisa melhor. Eu não acredito nisso, pessoas não são coisas e a justificativa é barata, é pouca e vazia. Jamais serei boa demais para ficar com alguém, jamais alguém será pouco demais para poder ter a mim ao seu lado. Não vejo como merecimento, gosto de envolver. E digo para esclarecer: não é merecimento, é gostar. Venha e diga, não fique com o fulano, pois acho que ele não gosta de você. Aí sim eu vou acreditar, aí sim tem fundamento. Merecimento não. Merecimento é outra coisa e eu não sou prêmio e nem medalha.

E eu que não sou medalha, quis dar o que tinha de melhor a alguém, todo o meu ouro, a minha prata e o meu bronze. Todo o meu ar. Não quis prender, não quis palavras de compromisso. Quis presença. Conquistei algumas áreas, mas as terras já tinham dono. Sem papel assinado, mas ainda assim havia história, história escrita na pele. Eu poderia ter brigado e até ter criado uma guerra, não quis. Algumas terras são fechadas. E não é merecimento, é uma questão de pertencer. O coração pertence, por vezes tem mudança, mas sempre pertence.

A pessoa certa, a pessoa errada, a hora certa, a hora errada. Eu não sei o que foi. Um vândalo e uma mocinha. Acho pesado. Não quero esses rótulos. Tenho um pouco de vandalismo e você de mocinha. Em comum temos o estrago, a fome, a vontade, as chances. Talvez a mesma decepção, somos todos corações partidos mesmo. Dois passarinhos com as asas quebradas. Pois a minha asa está curada, e não sei se disse, mas doses de você foi um dos meus remédios. Quis fazer o mesmo por você. Entretanto, nosso tempo é diferente e cada corpo reage de forma diferente a um remédio tão forte como este.

Demos alguns passos errados, quebramos copos, ouvimos demais, pensamos demais, trocas, gestos intensamente involuntários partiram dos nossos corpos, dois irresponsáveis responsáveis por sentimentos. Não me arrependo, faria de novo e mais uma vez. E se encontrar com você por aí, algo aqui dentro vai lembrar o quanto foi bom. Sempre estremeço mesmo. Sem mágoas, sem revolta, eu só quero que você se encontre.

E quero que fique bem. Eu quero ficar bem. A gente precisa mesmo de um tempo só nosso para tentar colocar as coisas no lugar. É o seu tempo e se precisar de mim, estarei aqui. Que termine do mesmo jeito que começou, sem que a gente nem mesmo perceba. E todo fim tem um começo e daqui pra frente eu não sei mais e não vou tentar adivinhar. Se cuida, da forma mais carinhosa possível, com o abraço mais apertado que existir. 

4 comentários:

Dai disse...

Já desejei muito que as coisas acabassem tão leves como começaram. Hoje eu queria que não terminassem, que as terras passassem a ser minhas sair por uso capião. Algo assim.

Entendo e concordo com o que vc disse, mas acho que ter qualquer coisa de merecimento mas não acho mesmo que alguém seja boa demais pra outra.

Seus textos, como sempre, lindos

Fernanda Roldi disse...

Ahh, amei o post! *-------*

Já recebi a velha desculpa do "sou demais para você" e concordo contigo, florzinha: Mais esfarrapada não existe U_U heuheuehueheu

Me conquistou em um post, estou seguindo! ♥

Beijinho ;*
http://penso--logo-escrevo.blogspot.com

Érica Verônica disse...

"E quero que fique bem. Eu quero ficar bem. A gente precisa mesmo de um tempo só nosso para tentar colocar as coisas no lugar. É o seu tempo e se precisar de mim, estarei aqui. Que termine do mesmo jeito que começou, sem que a gente nem mesmo perceba. E todo fim tem um começo e daqui pra frente eu não sei mais e não vou tentar adivinhar. Se cuida, da forma mais carinhosa possível, com o abraço mais apertado que existir."

Acho que é tudo que eu queria ter dito a alguém a exatos 8 meses atrás, mas não consegui.
Hoje diria apenas um "Se cuida...", mas não estarei mais aqui para o que precisar. O tempo passa né, tem que passar. E algumas coisas simplesmente deixam de existir, de aguardar, de ficar, de sentir. Simplesmente acabam.

Beijos Nara.
Saudades.

o/

Giuliano M. disse...

gostei de ler essas coisas e de sua percepção dos fatos. Me encontrei em muitas frases e fragmentos.

Por favor, continue escrevendo!

Aviso

As imagens usadas neste blog são retiradas do nosso amigo Google. Caso seja uma imagem sua, peço que me comunique, assim, colocarei os direitos. Obrigada. Peço sua compreensão.