quarta-feira, 3 de março de 2010

Mudanças de palavras

-->
 
Eu não posso ficar sem fazer nada, mais cedo ou mais tarde a descontrolada que sou começa a brincar de jogo dos sete erros comigo ou em mim. Engraçado é fugir das regras e acabar encontrando muito mais ou muito menos do que os erros combinados no começo da brincadeira. Tudo depende do meu (falta de) humor, depende também do tédio, da minha inspiração e da minha vontade de tacar fogo em tudo.
Talvez seja uma característica especial das mulheres, temos uma necessidade enjoada de mudanças.  Isso me traz problemas. Perco o interesse por certas coisas (ai, coitado do meu formspring.me! Eu esqueci o treco lá, às moscas!) , por certas pessoas que no começo me pareciam um prato cheio de novidades, jeito interessante e conversa gostosa, por um assunto que me agradava muito e agora tem cheiro e gosto de clichê e principalmente por partes de mim mesma. Euquetôloucapramudaressacordomeucabelo!
Minha vítima dessa vez foi o blog (ah cabelo, tua hora tá chegando!). Muda uma corsinha aqui, uma letrinha ali, cabeçalho (Luna, obrigada, florzinha)e taran!  Ficou assim... Eu gostei. Certas coisas por aqui estavam me incomodando. Certas coisas me incomodam, deixam um vazio esquisito, aí eu vou costurando esse vazio e aos poucos mudando coisinhas. Dizem que pequenas coisas podem fazer diferença, né? Resolvi acreditar.
Imagino o quanto os homens sofrem com isso. Não tenho pena, afinal sofremos um bocado com eles, decididos demais, claros demais, palavras de menos. Geralmente é tudo muito bonito, mas se uma palavrinha é dita errada todo o quadro bonito se transforma em uma pintura borrada. Eu confesso, eu quero ser notada, ser percebida e não ter que dizer tanto o que eu quero. Eu sei que é errado, sei que ninguém tem bola de cristal, mas acho que é mania. Mania de dizer as coisas pela metade e achar que disse inteiro.
Eu preciso mudar, faz tempo que sinto isso. Acho que não vai adiantar ir mudando as coisas de fora, a mudança tem que ser aqui dentro. Mudar certos atos, um pouco mais de auto confiança, mais esperança, doses sem moderação de amor e muito MAIS palavras. Palavras nunca são demais.

20 comentários:

Sônia Silvino disse...

Narinha!
Saudades de vir aqui. Está tudo mais bonito. Mas os textos... Interessantes como sempre, bobinha!
Tens muito talento, viu?
Bjkas!

Carol Carvalho disse...

Oi querida!!
Tá tudo lindo por aqui!!!
Obrigada pelo carinho de sempre comigo e com a Anninha tá?!
Manda teu e-mail pra eu te convidar para o bloguinho dela...

bjos nossos em vc!!

Ana Elisa disse...

"um pouco mais de auto confiança"

Isso seria muito bom :P

Naty Araújo disse...

Que lindo, Nara...

Gostei do texto.
Ahhh amor e palavras nunca são demais.

Beijos... também estou seguindo.

Déia disse...

Narete,

Ficou lindooooooooooooo... tb quero algo assim no meu divã!!! snifffff

A gente cansa mesmo da mesmice e precisamos inovar, renovar...pra viver melhor, pra sorrir melhor...

bjkas

Luna Sanchez disse...

Quando a vontade vem forte assim, a gente deve seguir, e mudar.

Sabe, Nara, quem me pareceu interessante, um dia, continua sendo. O que pode acontecer é a pessoa entrar em uma fase de mesmice (todo mundo acaba entrando), mas sei que é só circunstância.

Eu tenho necessidade de rotina (no sentido de organização), não me oriento bem sem as minhas próprias sinalizações. Eu deixo bilhetes pra mim, mesmo sabendo que não vou esquecer dos compromissos...sim, sou desse tipo.

* Feliz blog novo! Mas lindo, esse lugar sempre foi. ;)

Dois beijos.

ℓυηα

Rebeca Amaral disse...

Amei o seu layout! É verdade, eu também sinto-me assim algumas vezes, com vontade de mudar exatamente tudo. É tão bom...
Adorei o seu espaço, Nara. Estou a seguir-te.

Késia Maximiano disse...

É a inconstância q dá movimento a vida!

Adorei aqui!
Beijosss

Andréa Silveira disse...

Te achei no Céu e vim parar aqui. Gostei disso de trocar ideias com pessoas que gostam de escrever como eu... vou te seguir, ja a palavra 'mudança' sempre me atrai... pq morro de dela, mas to tentando ve-la com bons olhos. ;) bjs!

ana wants revenge disse...

mudar eh sempre bom, eu matei o blog antido e agora tenho um novinho em folha!
to adorando visitar esse povo novo todo huhhuu!

um beeeijo
.
.
.

ana wants revenge disse...

mudar eh sempre bom, eu matei o blog antido e agora tenho um novinho em folha!
to adorando visitar esse povo novo todo huhhuu!

um beeeijo
.
.
.

Escrevo Palavras e Choro Poemas disse...

Ai q lindo querida!! amo seus textos, bj**

Menina Misteriosa disse...

Nara, layout novo lindo!!!!
Sim, mudar é muito bom. E, aos poucos, você consegue o quer... tenho certeza!
Agora conta, que cor quer usar no cabelo?! :)
Beijos

http://meninamisteriosa.wordpress.com/
http://www.aceuabertodaboca.blogspot.com/

Everton Domingues disse...

Não quero deixar faltar meu carinho pra ti tb, Nara. Ainda mais num dia especial como hj. Afinal, vcs mulheres são a mais doce inspiração em nossas vidas. Sejam mães, amigas, irmãs de fé, companheiras, divas... exemplos! Vcs cativam a todos nós homens pelo coração.
Bj enorme cheio de carinho em seu coração, Nara.

Everton ;o)

PS.: No www.vancouverolimpica.blogspot.com deixei uma singela homenagem a todas as campeãs da vida!

Mali Melo disse...

amei o texto, me identifiquei muito! seguindo, blz? beixos, feliz dia da mulher :*

Késia Maximiano disse...

É verdade, Narinha!
Silêncio deixa a gente numa angustia danada né?

Super beijo, e feliz dia da mulher, viu?

Bela disse...

Para sairmos do lugar, precisamos abandonar as velhas vestes e antigos pensamentos. E neste período de mudanças, atitudes valem mais que palavras.

Adorei o texto.

Um abraço,
Isabela

http://nablogoesfera.blogspot.com/

Erica Vittorazzi disse...

Eu sempre ataco o meu cabelo... na cor e no comprimento.

Eraldo Paulino disse...

Pessoas lindas são lindas até fazendo careta (já reparou?). É o caso daqui.Um lugar que sem ficar ainda mais lindo como sempre ficou seria cada vez mais lindo mesmo assim.

Bjs de quem gosta/ou/rá muito daqui!

Dai disse...

Nara,

As vezes vem essa vontade louca de mudar, de querer seguir novos rumos, mas vem o medo diante do desconhecido (vai que a cor não fica boa no cabelo da gente =P)

Queria poder fazer test driver em tudo...=/

beijo

Aviso

As imagens usadas neste blog são retiradas do nosso amigo Google. Caso seja uma imagem sua, peço que me comunique, assim, colocarei os direitos. Obrigada. Peço sua compreensão.