sábado, 26 de setembro de 2009

Das antigas


Peço perdão às modernas, mas eu admito, sou brega e baranga, há quem diga (cospe no chão) que sou romântica. Pff, eu? Não sou nada. Acontece que eu gosto de carinho, gosto de ser bem tratada, gosto de agradar. Sou do tipo que ainda sonha com as flores, os chocolates e as milhares de declarações.

É que eu cresci assistindo a novelas e filmes de princesas cheios dos finais felizes. Sou contrária as muitas garotas que hoje torcem pelas bruxas e seu gênio forte, a bruxa que faz qualquer coisa a qualquer custo. Eu gosto mesmo das mocinhas. Parece que todo mundo resolveu ir contra as princesas e agora o lado malvadão, poderoso e sexy das bruxas está em alta. Mas esse mundo tá pelo avesso mesmo!

Ah, para!Vocês se lembram dos filmes da Disney, as bruxas pagavam de lindas, ricas, casavam por interesse e escravizavam os maridos (ok, essa parte é boa), mas na verdade eram feias, de nariz estranho, com verrugas bizarras de tão enormes. Aquelas loucas eram amargas, frustradas e egoístas. Nem. Não gosto de gente assim. Peço perdão novamente, mas não, eu não gosto daquelas bruxas.

Quanto ao Senhor Lobo Mau, bem, eu concordo, ele é bacana, sabe o que quer, faz tudo bem melhor, vocês sabem dessa história... Porque os príncipes, AhJesus, eles só aparecem quando a gente se fudeu inteira, aí o cara de pau, consegue resolver tudo apenas com um beijinho, afinal ele é encantado. Fica a dica que na maioria das vezes eles nem perguntam o nome da guria: Oh, que bela garota! Oh, ela está desacordada! Oh, vou aproveitar e lascar um beijo!

Podem dizer que sou bobinha, que sonho com coisas bestas, mas mulher é assim mesmo. Nem que seja no fundinho do coração nós sonhamos com café da manhã na cama no melhor estilo propaganda de margarina acompanhada de um maridão cheio dos sorrisos!

5 comentários:

O Profeta disse...

Passei para te deixar um terno beijo...

Luna Sanchez disse...

Nas novelas, ou melhor, nos poucos pedaços de capítulos que espio aqui e ali, sempre simpatizo com as más. Talvez por que veja nelas algo mais próximo do real, sinta mais humanidade, no sentido de "ser de verdade", mas, claro, não em ser correto, ter consciência, agir direito com os outros...

Tudo balela, Nara. Se aparecer um encantado querendo que eu experimente o sapatinho de cristal, eu experimento, sim, capaz que não! Agora, se ao abaixar-se para colocar o tal sapato no meu pé, ele me der uma olhadinha sacana, bem ao estilo lobo mau, rá, daí ferrou! \o/

Beijos, querida. Tenha uma semana linda.

ℓυηα

Luna Sanchez disse...

Opa, errei :

"Porque" e não "por que".

;)

Érica Verônica disse...

Ultimamente estou achando as mocinhas das estorinhas tão sem sal. Não aceito que só porque uma pessoa é boa, tem que ser obrigatoriamente boba.

E ultimamente, as mocinhas de novelas estão tão bobinhas.(Me falta paciência) parece que as coitadas não tem sangue nas veias. Poxa acorda! Aquela "zinha" tá querendo "pegar" seu homem minha filha, acorda vai lá e dá uma surra nela, uai. O gato é seu. Pelamordedeus..

Por isso adoro as Helenas. Elas são boas e humanas. Erram, acertam, batem, metem, sentem ciúmes, mas nunca deixam de lutar por aquilo que é delas de direito.

Elas sim, são mocinhas de verdade!

Daniel Cabral disse...

Nossa Adorei o novo Template! nós crescemos e aprendemos que o mundo não é aquele que pensávamos que era. Tem resquícios que ficam é verdade.

Aviso

As imagens usadas neste blog são retiradas do nosso amigo Google. Caso seja uma imagem sua, peço que me comunique, assim, colocarei os direitos. Obrigada. Peço sua compreensão.